Curta-me na rede social Facebook
Siga-me na rede social Twitter
Inscreva-se no canal Youtube
Adiciona-me na rede Google +
JB Treinamento em Informática, cursos e livros | Buzzero
 
Por Jorge Antonio de Queiroz e Silva

Jorge Antonio de Queiroz e Silva é historiador, palestrante, professor.
Sábado, 08/04/2017, 19h50
  + notícias

Traduzir esta página

Vinte anos sem frei Miguel

Foto: Frei Miguel (1921-1997)
Foto: Frei Miguel (1921-1997)
Durante a vida nos deparamos com várias pessoas que acabam fazendo parte do nosso cotidiano, outras desaparecem ou surgem esporadicamente. Seja como for, temos necessidade de ser sociáveis, de dialogar com os indivíduos. Frei Miguel foi o exemplo da fácil comunicação. Com humildade e capacidade espiritual extraordinária soube atrair para si muitas amizades que foram além do Estado do Paraná.

Frei Miguel na Itália e no Brasil

Seu nome de batismo é Ilário Bottacin que, ao se tornar religioso, mudou para Miguel Ilário Bottacin conforme exigência, na época, da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos.

Ilário Bottacin, de origem humilde, filho de Graziano Bottacin e Maria Ceccon, nasceu aos 14 de agosto de 1921, na Itália, no pequeno povoado denominado Loreggiola, sendo batizado no dia seguinte no mesmo local.

Na adolescência, Ilário Bottacin recebeu o Crisma, confirmando sua fé em Deus, aos 16 de novembro de 1930, com nove anos de idade.

Iniciou a caminhada religiosa aos 20 de setembro de 1938, no Seminário Seráfico de Rovigo (Itália), e o noviciado, (período de amadurecimento da vocação religiosa) aos 11 de outubro de 1939, na cidade de Bassano del Grappa (Itália).

A profissão dos votos temporários (pobreza, castidade e obediência), ou votos simples, ocorreu em Bassano (Itália), aos 12 de outubro de 1940. A cerimônia dos votos perpétuos ou profissão solene transcorreu na cidade de Villa Franca (Itália), aos 19 de março de 1945.

Frei Miguel chegou ao Brasil aos 18 de julho de 1957, na condição de irmão religioso capuchinho não sacerdote. Em nosso país, teve oportunidade de percorrer diversas casas da Província São Lourenço de Brindes do Paraná e Santa Catarina, trabalhando como enfermeiro, porteiro, atuando também na formação dos vocacionados à vida religiosa não sacerdotal.

Além da vida religiosa, frei Miguel aspirava ao sacerdócio. Conseguiu realizar seu desejo aos 8 de dezembro de 1973, sendo ordenado presbítero, pelo arcebispo de Curitiba dom Pedro Fedalto. A primeira missa de frei Miguel ocorreu em 9 de dezembro de 1973, no CIC (Cidade Industrial de Curitiba), na igreja da Vila Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, onde permaneceu até 1981.

Em 1981, construiu com ajuda da população local a capela da comunidade São Leopoldo Mándich, localizada no Conjunto Osvaldo Cruz I, no bairro do CIC (Cidade Industrial de Curitiba), que faz parte do território da paróquia da Vila de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais. Na comunidade São Leopoldo Mándich, frei Miguel pôde realizar sua missão apostólica especial que teve repercussão interestadual.

Em 10 de abril de 1997, frei Miguel faleceu na Santa Casa de Misericórdia de Curitiba, tendo como motivo do óbito: Arritmia ventricular + aterosclerose coronariana.

O sepultamento foi realizado no pátio da capela São Leopoldo Mándich onde os seus restos mortais permanecem até hoje. Ali recebe quase todos os dias pessoas que depositam flores, fazem orações e solicitam graças.

Espiritualidade de frei Miguel

Frei Miguel, desde os primeiros momentos de sua caminhada religiosa, procurou ter uma vida disciplinada, a fim de entender e praticar de forma intensa os valores presentes no caminho que havia escolhido. Esteve sempre atento ao evangelho de Jesus Cristo, que se tornou base de vida. Amou com fervor Nossa Senhora, inclusive carregava consigo uma pequena medalha da mãe de Jesus que havia recebido de sua mãe quando era garoto.

Frei Miguel teve oportunidade de breve contato com frei Leopoldo Mándich. Esse contato foi de muita valia para ele, uma vez que lhe serviu de fonte de inspiração para a sua vida.

O sacerdote Leopoldo Mándich, falecido em 1942 e canonizado pelo papa João Paulo II, em 1983, foi um ser humano iluminado, que deixou como herança a vida de fé.

Conforme explica Bernardi (1983), "a fé que é o fundamento de todas as virtudes, foi a virtude característica do Bem-aventurado Leopoldo."

Da mesma forma, frei Miguel foi transparente na fé que possuía. Os testemunhos das pessoas que o conheceram confirmam a espiritualidade transparente do frade capuchinho. No livro  Frei Miguel Bottacin, capuchinho, seu testemunho cristão e franciscano, de minha autoria,   são apresentadas as diversas declarações que confirmam os talentos espirituais do sacerdote.

São Leopoldo Mándich possuía o dom de ser excelente conselheiro e confessor. De acordo com Bernardi (1983),

Frei Leopoldo ouvia a todos atentamente, concentrava-se em si mesmo, pedia luz a Deus e depois dava, com a máxima clareza e certeza, o conselho que lhe pediam. E sua palavra era sempre de prudência e da mais elevada sabedoria.

Frei Miguel, admirador e conhecedor dos ensinamentos de São Leopoldo, tornou-se conselheiro e confessor, sendo procurado para atender às mais variadas necessidades do povo que recebia palavras firmes e decisivas.

Além de ter o dom da palavra, frei Miguel foi, em vida, considerado "milagreiro" no imaginário da sociedade, por ser procurado constantemente pelas famílias das pessoas enfermas e estas terem se recuperado de seus males. Após sua morte, as pessoas continuam acreditando que frei Miguel pode ajudá-las, e por esse motivo quase diariamente no pátio da capela São Leopoldo Mándich as pessoas depositam flores, solicitam graças e fazem orações, reivindicando emprego, curas físicas e harmonia familiar.

Por causa dos fenômenos que transcorreram em vida e após a morte de frei Miguel, existem, na comunidade São Leopoldo Mándich, no Conjunto Osvaldo Cruz I e em locais alternados de Curitiba e outras regiões, iniciativas em reconhecer esses fatos, ocorridos com frei Miguel. Em conversa com o Arcebispo Emérito de Curitiba, dom Pedro Fedalto, temos a seguinte afirmação:

Para que haja um milagre é necessário que o caso se realize sem nenhum poder da medicina e deve ser, em primeiro lugar, científico.

Por isso, o médico e até uma junta de médicos devem assinar se o fato é natural ou sobrenatural.

Sabemos que há fatos de pessoas que, por uma autossugestão bem forte, podem até recuperar a saúde e, através de uma regressão, até vencer traumas contraídos na infância, adolescência, ou em outra época. Por isso, a parapsicologia é hoje uma ciência de grande valor que, reconhecida cientificamente, exerce muita influência sobre a pessoa humana.

Eu perguntei a dom Pedro Fedalto: Qual a sua posição, por que será que as pessoas procuram tanto frei Miguel e os fenômenos ocorrem, como que se explica isso?

Eu vejo, duas causas. Uma pode ser totalmente sobrenatural, espiritual, pela qual a pessoa procura frei Miguel. A outra: vejo que há muitas pessoas hoje sofrendo, sem emprego, sem recursos, sem casa, sem nada. Então, elas recorrem a Deus através de frei Miguel para que obtenham de Deus o que não conseguem de outras maneiras.

Novamente aqui vale o princípio: a Deus tudo é possível. No entanto, não se pode dizer que tudo é de Deus ou, então, provar cientificamente que tudo veio de Deus. Os milagres propriamente confirmados não são tantos, senão teríamos todo dia milagres. A Igreja só aceita o milagre depois de uma prova muito profunda da vida do próprio cristão.

Frei Miguel homem que educa

Frei Miguel soube conduzir sua missão apostólica, integrando os princípios educacionais, especialmente em dois momentos: por meio da criação da creche na comunidade São Leopoldo Mándich, hoje Creche Frei Miguel. Ali as crianças são acompanhadas com amor e orientadas para os valores humanos, tão difíceis de serem encontrados na vida cotidiana; por meio de seu carisma, frei Miguel proporcionou a circularidade cultural (Ginzburg, 1986), uma vez que os indivíduos que se aproximavam dele representavam todas as camadas sociais, fato que contribuía para a comunicação entre a cultura popular e a cultura oficial. Com isso pôde promover a interpenetração das culturas que continuam vivas até hoje, por causa da aproximação das pessoas que se dá quase todos os dias ao seu túmulo.

Considerações


Pelo brilhante trabalho realizado, frei Miguel recebeu o título de Cidadão Honorário de Curitiba aos 31 de maio de 1984 e o título de Cidadão do Estado do Paraná aos 20 de junho de 1984. Foi merecedor do último título principalmente por ter criado na mentalidade da sociedade o espírito de partilha e doação, virtudes essenciais para a vida em sociedade. No dia seguinte após o recebimento desse título, frei Miguel escreveu (21.06.1984) ao Ministro provincial de Veneza (Itália), dizendo-lhe:

Tudo isto seja para a glória do Senhor e exaltação de nossa Igreja, de nossa Ordem capuchinha, pela qual desejo lutar até o fim. Sim, Reverendo Padre, nada disto mereço e, se o recebi, devo-o à formação que a Ordem Capuchinha me deu.

Jorge Antonio de Queiroz e Silva  é historiador, palestrante, professor

JB Treinamento em Informática | Cursos e Livros
Livro Jovem Aprendiz com o Microsoft Excel - versão digital | preço sujeito a alteração
Livro Jovem Aprendiz com o Microsoft PowerPoint - versão digital | preço sujeito a alteração
Livro Jovem Aprendiz com o Microsoft Word - versão digital | preço sujeito a alteração
R$-17,22
R$-15,07
R$-17,22
Livro Microsoft Windows 10 - versão digital | preço sujeito a alteração
Livro Microsost Excel 2010 - versão digital | preço sujeito a alteração
Livro Microsoft Word - versão digital | preço sujeito alteração
R$-15,07
R$-15,07
R$-15,07
Livro CorelDraw X5 - versão digital | preço sujeito a alteração
Livro Microsoft PowerPoint - versão digital | preço sujeito a alteração
Livro Microsoft Windows 8, Excel e Word - versão digital | preço sujeito a alteração
R$-15,07
R$-15,07
R$-17,22
Livro Júlia, Luz e Ternura - versão digital | preço sujeito a alteração
Livro José, Outro Olhar pelo Tempo - versão digital | preço sujeito a alteração
Livro Padre e a Política, Elo do Bem e do Mal - versão digital | preço sujeito a alteração
R$-15,07
R$-15,07
R$-15,07

Cursos online EaD - a Melhor Opção! CURSO EaD - A Melhor Opção!

Maciel Resende Barbosa fala sobre a sua primeira experiência como escritor, desde cara com um tema bastante complexo, pois envolvem espiritualidade, regilião, auto ajuda, auto conhecimento, enfim, um excelente livro para que desfrutem de uma ótima leitura: "Você Está no Comando".
Livros da JBS: José, Júlia, O Padre e Os Pioneiros
JB Treinamento em Informática, Gestão e Negócios Curta nossa página no Facebook Siga-os no Twitter Assista nossos vídeos no Youtube